segunda-feira, 23 de maio de 2011

Sem bengala e com olhos vãos
ia o cego perdido na escuridão...

MIRADA

Angelise Fagundes (em 12 de maio de 2011)



Hoje vi uns olhos diferenes
olhos de olhar para dentro
vi uns olhos perdidos no firmamento.

vi uns olhos perdidos
apoiados nos olhos alheiros

vi uns olhos pedindo
calma ao companheiro

vi olhos que gritavam
a minha cegueira em plena avenida
minha cegueira sentida.

sábado, 14 de maio de 2011

Dicas para fazer uma feira do livro

www.adeler.com.br/fotos/manual_fle.doc
Sempre tive para mim, como professora, que nunca seria capaz de ensinar nada do que sei para ninguém. O que aprendi e da forma que aprendi é muito meu. "Egoisticamente" meu! O conhecimento é intrasferível! O máximo que posso fazer é provocar o outro - aprendiz em minhas mãos - a buscar qualquer coisa que seja conhecimento. Motivá-lo, nesta busca, a ser um egoista também.


http://www.youtube.com/watch?v=_OsYdePR1IU


obs.: Não interprete ao pé da letra este egoísta... não quero um aluno egoísta. Isso seria péssimo. Eu quero um aluno inquieto por saber mais e mais... E se ainda continuar em dúvida quanto ao que eu REALMENTE quiz dizer, me escreva... mas não julgue. Julgar também é péssimo!

terça-feira, 3 de maio de 2011

domingo, 1 de maio de 2011

Do guarda-roupa e da vida

Sempre tive uma relação interessante com o meu guarda-roupa. Sempre. E de alguma forma muito misteriosa ele revela como anda minha vida ...